Projeto C.O.V.A.

Enterre-se nesta Cova se tiver coragem e ossos!!!

Aos Artistas Que Sobrevivem Nas Sombras Mais Inspiradoras E Aos Amantes Destas Sombras Na Forma De Arte, Poesia, Literatura E Música


New Order

Compartilhe

Elektra
Admin
Admin

Mensagens : 980
Data de inscrição : 19/05/2010

New Order

Mensagem  Elektra em Seg Nov 15, 2010 6:12 pm

NEW ORDER





Os New Order são uma banda inglesa de rock alternativo/electrónico /synthpop formada em 1980 Eram constituídos inicialmente por três membros dos Joy Division, cuja carreira foi prematuramente interrompida com o suicídio do vocalista Ian Curtis, em Maio de 1980.

Os membros remanescentes dos Joy Division, Bernard Sumner (guitarra), Peter Hook (baixo) e Stephen Morris (bateria) decidiram continuar, apesar da tragédia, e optaram por mudar o nome para New Order Rob Gretton o manager da banda já há mais de 20 anos é considerado aqule que escolheu o nome "New Order" inspirado num artigo no The Guardian intitulado: "The People's New Order of Kampuchea".

A banda ensaiou com cada membro nos vocais e no final Sumner foi o escolhido para vocalista.
Querendo completar o line-up da banda com alguém que fosse conhecido da banda e cujos estilo fosse compatível convidaram a namorada de Morris, Gillian Gilbert de Macclesfield,para se juntar á banda em Outubro de 1980 como teclista e guitarrista.Ela já tinha tocado com os Joy Division em diversas ocasiões tanto no lugar de Curtis como no de Sumner. Gillian foi mais uma sugestão de Rob Gretton.

Apesar de ainda estarem no rescaldo do som depressivo e monolítico do Joy Division, o grupo começou a investir mais seriamente na música electrónica. Por conta dessa mudança de direcionamento musical, que aconteceu muito gradualmente, grande parte do público considera a morte de Ian Curtis como o marco que separa radicalmente os dois grupos, Joy Division e New Order. No entanto, é necessário fazer duas ressalvas. A primeira: algumas canções dos Joy Division, como "She's Lost Control", "As You Said" e "Isolation" já introduziam experimentações electrónicas, antecipando os caminhos que mais tarde seriam seguidos pelos New Order. A segunda: foi Ian Curtis quem introduziu Bernard, Peter e Stephen, ainda nos Joy Division, ao rock electrónico dos Kraftwerk, ao Krautrock, à trilogia pop-electrónica de David Bowie (os álbuns "Low", "Heroes" e "Lodger") e aos trabalhos de Brian Eno. Portanto, pode-se dizer que os New Order nasceram virtualmente nos Joy Division.

Tony Wilson fundador do primeiro superclub o Hacienda ligado á Factory Records (fundada por ele também),e sócio de Rob gretton lança os New Order.
Tudo começou, em Manchester, em 1978 com a criação da Factory Records, que viria a ser uma das mais emblemáticas editoras independentes de sempre da história da música. Durante os anos 80, a Factory lançou bandas como os Joy Division, New Order, Durutti Column, Happy Mondays, A Certain Ratio ou Orchestral Manoeuvres in the Dark que fizeram da Factory um mito.A Tony Wilson se deve muito. Sem ele, não teria existido o post-punk ou a new wave, sem ele Manchester não teria acontecido e, sem ele, eu nunca teria ouvido "love will tear us apart".

A sua arrogância e inabilidade para negócios levou-o a criar a grande "experiência humana", a Factory Records, que era uma editora indie na verdadeira ascensão da palavra. Os artistas tinham contratos que eram assinados com cuspo e um aperto de mão. Isto claro é uma verdadeira anedota se pensarmos no espírito corporativista das editoras actuais.Esta confiança cega aliada ás inatas imperfeições humanas levou á falência da Factory Records e á espiral descendente do movimento de Manchester
Os New order ficariam ligados á Factory e ao club Hacienda até ao dia em que estes se extinguiram em 1997.O edificio foi demolido em 2002 e apartamentos foram construídos no seu lugar...

A banda durante os anos oitenta raramente dava entrevistas pois todas elas acabavam sempre nas mesma questão Ian Curtis e o seu suicídio, assunto que a banda não gostava de tocar.Para além disso a banda dava concertos curtos e sem encore,tudo isto grangeou á banda a fama de serem "dificeis,convencidos,intratáveis".

Os New Order foram os pioneiros na ligação da música electrónica ao Rock.Viriam a ser os pioneiros da primeira fusão compativel entre uma guitarra e um sintetizador Revolucionaram a que é hoje conhecida como Dance Music.

Com o disco “Power,Corruption and Lies”, de 1983, eles mudaram de direcção musical, distanciando-se de vez da sombra de Ian Curtis e partindo para músicas mais dançantes, inspirados pelos Kraftwerk, Afrika Bambaata, Disco Music e Giorgio Moroder. A partir desse disco, a banda também adoptou uma postura mais abstracta nas letras, num oposto ao lirismo desesperado de Ian Curtis. Os singles desse ano foram “Blue Monday e Confusion”. No ano seguinte, mais dois grandes singles – “Thieves Like Us e The Perfect Kiss”.

Com 7 minutos e meio de duração, “Blue Monday” é o single de maior duração que já alcançou os tops britânicos. É conhecido como o single mais vendido da história musical, mas a Factory records não era membro da Indústria Fonográfica Britânica e, sendo assim, não puderam receber um disco de ouro. Apesar disso, a Companhia dos "Tops" do Reino Unido estima que as vendas ultrapassaram um milhão de cópias no Reino Unido.
“Blue Monday” é considerada como uma das músicas mais importantes da cena eletrônica dos anos 80 por misturar o Synthpop e rock alternativo.

“Low Life”, de 1985, traz alguns sucessos da banda como “Perfect Kiss” (clip esse que foi realizado por Jonathan Demme. Em 1986, foi lançada uma das músicas mais famosas do quarteto,” Bizarre Love Triangle”, no disco “Brotherhood”.

Em 1987 a banda lançou o seu disco mais famoso, a colectânea “Substance” (no ano seguinte seria lançada uma colectânea dos Joy Division com o mesmo nome).
O disco contém todos os singles lançados até aquele momento. Músicas como “Bizarre Love Triangle e Sub-Culture” são as versões do single, diferentes das versões dos respectivos álbums. A banda entrou, naquela época, em uma nova fase, com um som mais pop e limpo com singles como “True Faith e Touched By The Hand Of God”.

O disco “Technique”, de 1989, é , para muitos, um retrato fiel do auge da acid house.

“Republic” foi lançado em 1993 após a saída dos New Order de sua editora, a Factory Records, e mostra uns New Order já um tanto desgastados.

O single “Regret” foi um hit nos E.U.A. Após esse disco, os integrantes pararam as actividades dos New Order e cada um foi trabalhar em seus projetos paralelos.
O vocalista Bernard Summer tem um projeto paralelo juntamente com Johnny Marr, guitarrista dos Smiths, chamado Electronic, com a colaboração dos Pet Shop Boys em seu primeiro álbum, lançado em 1991. Karl Bartos, que integrou o Kraftwerk, participou do álbum “Raise the Pressure” em 1996. O baixista Peter Hook também tem seu projeto, no começo chamado de Revenge (uma "vingança" contra o projeto de Sumner) e depois de Monaco. Na década de 90, Stephen e Gillian formaram o The Other Two, ironizando o fato deles serem os "outros dois" dos New Order.

Em 1994 a colectânea “The Best Of New Order” foi lançada com vários dos singles do “Substance”, mais algumas faixas mais recentes. Em 1998 a banda voltou à activa e voltou a tocar músicas dos Joy Division como “Transmission e Atmosphere”.

Em 2001 a banda lançou o disco “Get Ready” e o que se notou foi uma grande mudança na parte músical, mais focada na guitarra do que nos teclados, como mostra os singles “Crystal e 60 MPH”. Billy Corgan dos Smashing Pumpkins participa da música “Turn my way” e também da digressão do disco.

Em 2005 a banda lançou “Waiting For The Siren's Call”, um disco que repete a formula do seu antecessor. Singles como “Krafty e Jetstream” foram muito bem recebidos.
Ainda em 2005 a NME Awards, premiou os New order e os Joy Division com o "Godlike Geniuses" (for lifetime achievement).

Em 2005, Phil Cunningham (guitarra e sintetizadores) substitui Gilbert (entretanto casada com Morris)que abandona a banda para se dedicar aos filhos entretanto nascidos.

No Outono de 2005 banda lançou mais uma compilação sob a forma de singles.O duplo album, é uma versão optimizada da colecção “Substance” e contém todos os singles desde o primeiro album de 1981 até “Waiting for the Sirens'Call”.No entanto foca mais as versões de 12" dos singles do grupo e 7" muitas das quais como “Ceremony, Temptation e Confusion” nunca tinham sido editadas em cd.O album é acompanhado por 2 DVDs intitulados Item que aborda a história dos New Order,e os videoclips da banda.

Em 2007 Peter Hook anunciou sua saída e o fim da banda.
Bernard e Stephen, afirmam que a banda continua sem Hook.
Hook afirma que não permitirá que a banda prossiga pois é detentor de um terço da mesma.
Com a morte de Tony Wilson,em Agosto de 2007 ainda se coloca a hipótese da banda juntar-se para um concerto tributo..mas tal não viria a acontecer.
A banda nunca mais voltou...

Em 2008 é lançado,”The New Order: Live In Glasgow” DVD gravado em Glasgow Academy em 2006 e tem 18 temas ,e inclui 4 temas dos Joy Division .



DISCOGRAFIA:

Movement (1981)
Power, Corruption & Lies (1983)
Low-Life (1985)
Brotherhood (1986)
Technique (1989)
Republic (1993)
Get Ready (2001)
Waiting for the Sirens Call (2005)








Elektra
Admin
Admin

Mensagens : 980
Data de inscrição : 19/05/2010

Re: New Order

Mensagem  Elektra em Qui Mar 24, 2011 8:57 pm

MOVEMENT





Dreams Never End
Truth
Senses
Chosen Time
Icb
The Him
Doubts Even Here
Denial







POWER,CORRUPTION & LIES







Age of Consent
We All Stand
Village
586
Blue Monday
Your Silent Face
Ultraviolence
Ecstasy
Leave Me Alone
Beach




Elektra
Admin
Admin

Mensagens : 980
Data de inscrição : 19/05/2010

Re: New Order

Mensagem  Elektra em Qui Mar 24, 2011 9:07 pm

LOW LIFE




Lado A

Love Vigilantes
The Perfect Kiss
This time of night
Sunrise

Lado B

Elegia
Sooner Than You Think
Sub-culture





BROTHERHOOD





Paradise
Weirdo
As It Is When It Was
Broken Promise
Way of Life
Bizarre Love Triangle
All Day Long
Angel Dust
Every Little Counts



A reedição de 2008 tem um disco extra com:

State of the Nation (12”Mix)
Bizarre Love Triangle (12”version)
1963 (12”version)
True Faith (Shep Pettibone remix)(12”version)
Touched By The Hand of God (12”version)
Blue Monday 88
Evil Dust
True Faith (Eschreamer Dub)(listado incorretamente como True Faith (true dub))
Blue Monday 88 club (listado incorretamente como Beach Buggy)











Última edição por Elektra em Qui Mar 24, 2011 9:17 pm, editado 2 vez(es)

Elektra
Admin
Admin

Mensagens : 980
Data de inscrição : 19/05/2010

Re: New Order

Mensagem  Elektra em Qui Mar 24, 2011 9:12 pm

TECHNIQUE





Fine Time
All The Way
Love Less
Round & Round
Guilty Partner
Run
Mr.Disco
Vanishing Point
Dream Attack




A edição de colecionador de 2008 tem um disco extra com:


Don´t Do It
Fine Line
Round & Round versão 12”
Best & Marsh
Run
MTO (Minus Mix da canção)
Fine Time (Silk Mix)
Vanishing Point (Instrumental)
World in Motion ( Carabinieri Mix)




REPUBLIC





Regret
World
Ruined in a Day
Spooky
Everyone Everywhere
Young Offender
Liar
Chemical
Times Change
Special
Avalanche





GET READY



Crystal
60 Miles An Hour
"Turn My Way (feat. Billy Corgan)
Vicious Streak
Primitive Notion
Slow Jam
Rock the Shack (featuring Bobby Gillespie)
Someone Like You
Close Range
Run Wild




WAITING FOR THE SIREN`S CALL





Who´s Joe?
Hey Now What You Doing
Waiting For the Siren´s Call
Krafty
I Told You So
Morning Night and Day
Dracula´s Castle
Jetstream
Guilt Is a Useless Emotion
Turn
Working Overtime




Conteúdo patrocinado

Re: New Order

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 9:20 pm

    Tópicos similares

    -

    Data/hora atual: Sex Dez 02, 2016 9:20 pm